ter. mar 19th, 2019

Fifa afasta Del Nero do futebol por três meses

Investigado pelo FBI por corrupção, Del Nero foi suspenso pela Fifa.

Foto: Reprodução CBF
Kleber Vieira

Marco Polo Del Nero foi suspenso, por três meses, de qualquer atividade ligada ao futebol. Trata-se do terceiro presidente da CBF investigado por corrupção. Antes dele, Ricardo Teixeira e José Maria Marin também foram acusados de corrupção.

O primeiro renunciou e o segundo está em prisão domiciliar nos Estados Unidos.
Del Nero vem sendo alvo de investigações da Justiça norte-americana, acusado de envolvimento em esquema de corrupção referente a contratos de transmissões de televisão em competições realizadas na América.

Por não haver um acordo entre Brasil e Estados Unidos, Del Nero não pode sair do país, a fim de participar das audiências. Caso deixe o Brasil, ao desembarcar no exterior, será preso.

Fora Del Nero

A suspensão de Marco Polo Del Nero, por 90 dias, foi decidida pela Câmara de investigação do Comitê de Ética da Fifa, órgão independente da entidade.

A duração da proibição pode ser prorrogada por um período adicional de até 45 dias. Durante este tempo, Del Nero está proibido de participar de todas as atividades de futebol a nível nacional e internacional.

A presidente da câmara de investigação do Comitê de Ética, a juíza colombiana María Claudis Rojas, seguiu o processo formal de investigação contra o Marco Polo Del Nero, nos termos do art. 83 par. 1 e art. 84 par. 2 do Código de Ética da FIFA.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *