Presidente lamenta morte de terceiro militar do Exército

Internado em hospital da Zona Norte do Rio, Marcus Vinicius foi atingido por tiro disparado por bandidos, durante megaoperação em favelas

Antonio Cruz/ Agência Brasil

Presidente usou rede social pela terceira vez para lamentar morte de militares do Exército durante intervenção que ele determinou

 

Kleber Vieira (RJ)

O presidente Michel Temer usou o Twitter para manifestar seu pesar pela morte do soldado Marcus Vinícius Ribeiro, na tarde desta quarta-feira, no CTI do Hospital Municipal Salgado Filho, no Méier, na Zona Norte do Rio. O militar estava internado desde a tarde de segunda-feira, após levar um tiro na perna, durante confronto com bandidos, em meio à megaoperação das forças de segurança em favelas da na Zona Norte (Penha, Alemão e Maré). Marcus Vinícius foi o terceiro militar morto em confronto com criminosos desde o início da intervenção federal no Rio, em fevereiro último.

“Com pesar, recebi a notícia da morte do soldado Marcus Vinícius Viana Ribeiro, ferido na segunda-feira durante Operação da Intervenção Federal no RJ. Minha solidariedade à família e amigos do militar”.

Na segunda-feira, Michel Temer já havia usado a rede social para também lamentar as mortes do cabo Fabiano Oliveira Santos, de 36 anos, e o soldado João Viktor Silva, de 21, igualmente atingidos por disparos de armas de fogo. Eles foram enterrados na manhã desta terça-feira, no Cemitério de Japerí.

Sem foto

O Comando Militar do Leste informou, no fim da tarde, que não foi divulgada foto do soldado Marcus Vinícius. De acordo com a seção de Comunicação do CML, “a fotografia  que se encontra em circulação foi obtida de modo irregular a partir de rede social e não se trata do militar falecido”

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *