‘Garotinho’ é executado em Caldas Novas

Encapuzados matam jovem de 24 anos que pertencia a antiga facção carioca estabelecida em cidade goiana

Reprodução/Internet

‘Garotinho’ era velho conhecido da Polícia de Goiás, por pertencer a facção criminosa do Rio estabelecida em Caldas Novas

 

Da redação (GO)

Jorge Felipe Gomes do Santos, vulgo Garotinho, de 24 anos, foi morto a tiros próximo ao Centro de Reintegração Social de Caldas Novas. A polícia informou que o jovem, monitorado por tornozeleira eletrônica, estava próximo ao presídio na manhã desta segunda-feira (27), quando foi surpreendido por dois homens encapuzados, em uma moto, que atiraram contra ele.

Ainda de acordo com a polícia, ‘Garotinho’ era um velho conhecido, pois fazia parte de uma das mais antigas facções criminosas do Rio de Janeiro, que se estabeleceu em Caldas Novas nos últimos anos.

A Polícia Civil investiga o caso, mas até agora não há informações sobre os atiradores

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *