ter. mar 19th, 2019

O que há com os ‘professores’?

As agressões no esporte não têm punições exemplares que as desmotivem

Árbitros foram covardemente agredidos por membros de comissões técnicas de clubes em jogos de base no Espírito Santo e em Pernambucano 

Arquivo

As agressões no esporte não têm punições exemplares que as desmotivem

Kleber Vieira (RJ)

Agressão, em qualquer situação, é inadmissível; no esporte, que é fator agregador, pior ainda. Quando é contra uma autoridade, trata-se de fato grave, e vinda de um treinador em um jogo de base… como classificar?

Na última semana, o árbitro Tiago Nascimento dos Santos foi agredido depois da final do Campeonato Pernambucano Sub-20, na Arena Pernambuco, que terminou com a vitória do Porto, de Caruaru, sobre o Santa Cruz, por 3 a 2. Segundo ele, a violência partiu de “torcedores e gente com o uniforme da comissão técnica” do Tricolor de Recife.

No dia 17 de outubro, o árbitro Jefferson Nunes Vieira foi agredido por um técnico de futebol, durante partida de um campeonato infantil de várzea, em Vitória, no Espírito Santo. Os ferimentos foram tão sérios, que ele precisou de muletas para andar. Jefferson prometeu processar o treinador.

Em estádio reformado para a Copa do Mundo ou em um simples campinho de interior, a violência tem o mesmo peso. É deplorável, condenável deve ser tratada como caso de Polícia. O árbitro capixaba prometeu processar criminalmente o agressor.

“Eu vou processar sim, para que ele não faça mais isso. Essa não foi a primeira vez, ele já fez isso antes com um colega meu. E isso tem que parar”, disse Jefferson.

O professor de Educação Física e ex-árbitro Aloisio Viug pensa que Jefferson tem de levar adiante sua intenção de processar o treinador que o agrediu.

Acho que o árbitro está mais do que certo em processar o treinador por vários motivos. 1) pela agressão em si; 2) pela covardia, pois segundo a matéria o treinador continuou agredindo; 3) o fato de ser um jogo de crianças considero mais agravante ainda pois o exemplo dado por este treineiro é muito ruim para a formação destas crianças; 4) A única forma de punir este sujeito (não sei se este fato – agressão – implica em prisão), seria uma boa indenização e prisão, se for previsto em lei. Além de toda a despesa com médicos e outros dados se for caso”.

O árbitro Marcelo de Lima Henrique lamentou que situações assim aconteçam no futebol e se tornem maus exemplos para as crianças.

“Infelizmente nós, árbitros, ainda nos deparamos com esse tipo de pessoa que, ao invés de ser exemplo e ajudar na formação das nossas crianças, comete uma violência dessas na frente de todos, influenciando e traumatizando, para sempre, pequenos jogadores que estão ali; primeiro para se divertir e depois para competir de maneira saudável. Que esse mau exemplo seja punido de maneira exemplar pela justiça e pelos responsáveis da escolinha de futebol e pela organização do torneio. Dia triste para todos nós que militamos no futebol”.

Perseguição e agressão 

No caso de Recife, as câmeras internas da Arena Pernambuco mostram o trio de arbitragem sendo perseguido por um grupo de pessoas nos corredores de acesso aos vestiários, até que o árbitro Tiago Nascimento dos Santos leva um chute de um torcedor, ainda sem identificação. Em seguida, escorrega, cai e bate com a cabeça no chão.

A Federação Pernambucana de Futebol repudiou as agressões, mas não anunciou qualquer medida em favor do treinador, tendo-o proibido de dar entrevistas. O Santa Cruz, por sua vez, usou as redes sociais para prometer que vai apurar os fatos e afastar os responsáveis.

No caso de Vitória, o agressor foi autuado pela Polícia por lesão corporal grave, mas está em liberdade. Em Recife, nem isso.

É preciso muito mais do que somente notas de repúdio e autuações. Enquanto as punições para agressões no esporte não forem severas, não haverá mudança alguma. E não adianta dizer que vai ser preciso morrer alguém: já morreu… e, infelizmente, vai continuar morrendo

 

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *